Tag Archives: chillon

Tudo dá certo no final

28 jul

Eu iria para Zurique, acabou que eu perdi a hora. Quando levantei, fiquei puta comigo mesma por dormir demais e não conseguir turistar. Bati na porta da Roxana, e aí nega, bora fazer alguma coisa? Eu queria ter ido ao Castelo de Chillon, o castelo que passamos bem perto mas não entramos. Resolvemos ir, então, ao tal castelo. Pegamos o trem até Montreaux, uma cidade lindinha e de lá teoricamente teríamos que pegar um barco até o castelo. Porém, por livre espontânea pressão fui andando. Mais ou menos 1 hora de caminhada, mas o cenário é belíssimo. De um lado, o lago, de outro casas maravilhosas. E o caminho, cercado por árvores e flores. Chegando ao castelo, entramos e tinha até um panfleto em português falando sobre o castelo. O tal lugar pertenceu a casa de Savoy do século XI ao século XVI. Um dos prisioneiros, que passou 6 anos no castelo, quando libertado pelos bernenses que haviam tomado a propriedade, escreveu sobre sua estada em forma de crônicas. Tempos depois, ele ficou famoso, pois tantos os escritos dele, quanto o castelo, foram revisitados pelos autores do Romantismo, como Lorde Byron e Lamartine. Rousseau também escreveu sobre o castelo. Uma história, no mínimo, curiosa.

Depois fomos até a praia do outro lado de Montraux, mas dessa vez fomos de trem. Passamos a tarde lá e depois voltamos. Resolvemos alugar umas bicicletas e Qing, nossa roomate se juntou a nós. Pedalamos até a universidade, que fica fora de Lausanne, em St Sulpice. Na volta, o melhor: vimos uma banda tocando em Ouchy, que é aqui perto de onde a gente mora. Resolvemos dar uma olhada. Qing voltou pra casa, pois os chineses podem até comer a nossa comida, falar inglês, mas são bem tradicionais quanto a música e filmes. Ou seja, são pessoas que não conhecem os Beatles, por exemplo. Eu tomei umas cervejas e nossa noite terminou assim:

Adoro quando não planejo e tudo dá certo no final.